Soluções de atendimento digital para todos os tamanhos de empresas.

Programa de fidelidade: como implementar e quais são as vantagens?

Saiba como elaborar uma das melhores estratégias para aumentar a rentabilidade de uma empresa.

Programa de fidelidade: como implementar e quais são as vantagens?

 

Não faz diferença se você é um gestor com grande experiência no mercado ou dono de uma startup: a importância da fidelização de clientes vale para todos. Investir de forma moderada e lucrar mais são alguns dos benefícios dessa estratégia. Por isso, a implementação de um programa de fidelidade é algo significativo para o seu negócio.

No entanto, reter os consumidores e torná-los parceiros de uma empresa é mais simples na teoria do que na prática. Neste artigo, vamos apresentar os pontos mais importantes sobre o programa de fidelidade: definição, importância, dicas de implementação e benefícios. Acompanhe e boa leitura!

O que é um programa de fidelidade?

Ainda que algumas características possam mudar, basicamente o programa de fidelidade é um sistema de Marketing. Ele é desenvolvido por empresas que recompensam o comportamento de compra do consumidor, aumentando o seu desejo de permanecer fiel à marca.

Normalmente, um programa de fidelidade pode oferecer conveniência, créditos na loja, prêmios, entre outras vantagens criativas. Inclusive, ser criativo na hora de pensar no “presente” é uma boa ideia.

Qual a sua importância?

A cada ano surgem novas marcas no mercado, o que aumenta a concorrência. Por esse motivo, são poucos os consumidores que voltam a fazer negócios com a mesma empresa de forma natural.

Se considerarmos o valor que é investido na atração de clientes, essa situação se torna ainda mais alarmante. Como sabemos, um dos segredos para o sucesso de qualquer negócio é vender várias vezes para o mesmo cliente. Na tentativa de buscar esse cenário, o programa de fidelidade se torna indispensável.

Essa estratégia, criada exclusivamente para a retenção e fidelização, é uma garantia de que os esforços e investimentos para a atração não sejam em vão. Se bem desenvolvido, o plano consegue:

  • aumentar as chances de o cliente voltar a comprar com você;
  • construir relacionamentos sólidos entre consumidor e empresa;
  • criar defensores de marca.

Quais são os benefícios do programa de fidelidade?

Veja quais são benefícios que a adoção de um programa de fidelidade pode trazer para a sua empresa:

Diferenciação da concorrência

Hoje em dia, é fácil para os consumidores mais exigentes comparar centenas de preços em apenas alguns cliques. Em um cenário puro e simples de comparação de preços, as grandes empresas sempre ganharão vantagem, pois compram em maiores quantidades.

Criar um programa de fidelidade ajuda a amenizar essa situação, sendo uma maneira de diferenciação da marca. É possível oferecer uma experiência aprimorada, conquistando o cliente por meio das emoções.

Aumento de retenção de clientes

Clientes fidelizados gastam dez vezes mais. Essa é uma estatística que não deve ser ignorada. Um programa de fidelidade pode garantir que esses números sejam favoráveis para a sua empresa, aumentando consideravelmente a taxa de retenção dos clientes.

Aumento das vendas

Se você proporciona incentivos que estão em sintonia com o que os seus clientes querem, naturalmente, estará incentivando-os a continuar investindo nos produtos e serviços da sua empresa. Assim, esse ciclo resultará no aumento do ticket médio e do lucro do seu negócio.

Como implementar um programa de fidelidade?

Confira os passos necessários para a adoção da estratégia. A implementação de um programa de fidelidade se divide em três etapas principais: planejamento, desenvolvimento e aplicação.

Planejamento

O sucesso de seu programa de fidelidade depende do quão bem você o planeja. Para que o processo de planejamento seja bem-sucedido, você deve seguir alguns passos:

Defina as metas

Quais são as suas metas e motivações para desenvolver um programa de fidelidade? Por exemplo: se você tem um grande grupo de clientes pouco efetivos, o seu principal objetivo pode ser tornar as transações com eles ainda mais rentáveis.

Mas, se você perdeu consumidores anteriormente fiéis para os concorrentes, então o seu objetivo principal deve ser atraí-los de volta com recompensas direcionadas.

Identifique os principais clientes

Descubra quem são os seus melhores clientes. Rentabilidade é o que conta aqui. Por exemplo: só porque um consumidor compra regularmente, não significa que a sua empresa está obtendo um lucro considerável com isso.

A maneira mais fácil de identificar os clientes mais leais e lucrativos é por meio de um sistema de CRM. Esse mesmo sistema também será útil para implementar e gerenciar o seu programa de fidelidade.

Entenda quais produtos atraem os clientes

Entendendo o que seus clientes leais gostam sobre os seus produtos, você poderá desenvolver recompensas que realmente os atraiam. Isso é crucial para o sucesso do programa de fidelidade.

Escolha o programa

Considere os hábitos de gastos de seus clientes para descobrir um programa de fidelidade que melhor atenda às necessidades. Embora essa estratégia possa ajudá-lo a obter insights importantes, ela deve ser centrada no usuário acima de tudo.

Pergunte-se: o seu programa estará disponível para todos os consumidores ou será apenas para compradores convidados? Os clientes acumularão pontos que podem ser resgatados para ofertas especiais? Geralmente, é melhor escolher um programa que permita misturar e combinar vários aspectos, com base nas preferências dos compradores.

Desenvolvimento

Durante a fase de desenvolvimento, você definirá os detalhes sobre o seu programa de fidelidade. É preciso considerar as seguintes questões:

Regras

O programa de fidelidade deve incluir regras claras. Todos os funcionários precisam estar cientes delas.

Recompensa

Como você gratificará os clientes pela participação no programa de fidelidade? Muitas empresas usam cartões de presente que são entregues junto com a compra. Já outras, cupons de desconto impressos, brindes. O importante é escolher algo que seja de simples gerenciamento, mas sempre baseado na preferência dos clientes.

Comunicação

Use o que você sabe sobre os clientes para estabelecer um meio eficiente de se comunicar sobre o programa de fidelidade. O pessoal de e-commerce, por exemplo, se comunica por e-mail.

Aplicação

Mesmo que você já tenha planejado e desenvolvido o programa de fidelidade com extremo cuidado, as coisas podem não funcionar corretamente nos estágios iniciais. Portanto, testes práticos são importantes.

Comece com um programa piloto

Disponibilize o programa para um número limitado de pessoas. O projeto piloto deve ser oferecido aos seus melhores e mais lucrativos clientes para garantir que esteja no caminho certo.

Corrija os erros

Uma coisa é certa: haverá contratempos e pontos fracos no início do programa de fidelidade. Por isso, desenvolva soluções para as falhas antes de apresentar a estratégia para o público em geral.

Meça os resultados

O que não pode ser medido, não pode ser melhorado. Isso é um fato. Por isso, para alcançar as metas traçadas, é essencial medir a performance do programa antes e durante a implementação.

Faça melhorias e ajustes conforme o necessário

Como qualquer programa de fidelidade, algumas recompensas e ofertas serão bem-sucedidas e outras não funcionarão. À medida que você mede, recebe feedback e monitora os resultados, promova os ajustes e melhorias na estratégia para garantir que ela continue gerando benefícios para a sua empresa.

Com um programa de fidelidade bem desenvolvido, todos ganham: a empresa obtém insights ​​que ajudam a melhorar a estratégia de Marketing e os números em geral, e os clientes recebem uma excelente razão para permanecerem leais ao negócio.

Por fim, analise as informações apresentadas e implemente já o seu programa de fidelidade!

Gostou do artigo? Não deixe de conferir a nossa postagem sobre como realizar uma negociação comercial eficaz.

Não perca as novidades da Hi Platform

Assine nossa newsletter para ficar por dentro dos lançamentos da Hi