Soluções de atendimento digital para todos os tamanhos de empresas.

7 dicas para delegar tarefas de forma justa e equilibrada

7 dicas para delegar tarefas de forma justa e equilibrada

Muitos líderes de equipes acabam se sobrecarregando e tomando para si mais tarefas do que podem realizar. Com isso, esquecem de uma habilidade fundamental em um líder: saber como delegar tarefas à equipe. Você consegue fazer isso de forma eficiente, tanto para você quanto para seu time?

Primeiramente, você deve identificar que o trabalho em equipe ajuda-o justamente a evitar sobrecargas no trabalho. Conhecer bem seus colabores e entender como delegar tarefas de forma justa vai ajudá-lo a diminuir as preocupações que surgem desse acúmulo de demandas.

Quer saber mais sobre como delegar tarefas para sua equipe? Continue a leitura, entenda por que implementar essa estratégia e saiba como colocá-la em prática!

As vantagens de delegar tarefas à equipe

Já mencionamos o fato de que delegar tarefas é um aspecto essencial para ser um bom líder. Isso acontece por que, quando as tarefas são bem divididas, tanto você quanto sua equipe saem ganhando.

Ao organizar melhor as atividades que cada colaborador deve realizar, você poderá se ocupar de tarefas mais complexas. Outro aspecto positivo é que, com isso, seu time desenvolve melhor suas próprias habilidades e adquire mais autonomia.

Se você sente dificuldades em delegar tarefas, isso pode fazer com que você seja um líder centralizador — e esse é, atualmente, o principal desafio dos gestores. O receio de demandar que outro ocupe determinada função deve acabar.

Porém, é importante se atentar que, se você delega tarefas de forma consciente e justa, você não está transferindo totalmente suas responsabilidades para outros funcionários. Portanto, você deve acompanhar seu time de perto e com a frequência que for necessária.

Delegar tarefas não é transferir suas responsabilidades, mas sim mostrar ao seu time que você confia neles para o cumprimento de atividades importantes à organização. Por isso, melhor que centralizar funções e atividades é fortalecer e motivar os colaboradores. Assim, você possuirá uma equipe integrada e que cumpre bem os objetivos desejados.

As características que um bom líder deve ter

Saber ser claro e definir prazos

Para que a equipe trabalhe bem e seja motivada, é importante dar aos integrantes desafios que eles possam cumprir em um determinado tempo. Esse processo só dará certo se você, como líder, atribuir funções e der instruções de forma clara.

Explique a tarefa de forma geral e, posteriormente, aponte todos os detalhes necessários. Ajude o colaborador a entender sua expectativa e a importância daquele trabalho para a organização.

Nesse momento, também é imprescindível ter empatia. Coloque-se no lugar do outro e entenda suas limitações e potencialidades. Assim, você saberá a melhor maneira de cobrar resultados e de estimulá-lo.

Ao delegar uma tarefa, os prazos são determinantes, e existem várias maneiras de organizá-los. Você pode elencar os mais urgentes e os que devem ser feitos a longo prazo. Dentre as tarefas, divida-as em etapas, criando prazos diários, semanais, mensais e anuais.

Isso estimula a motivação do colaborador e de toda a equipe, que buscará atingir o resultado final estipulado por você. Além de tudo, você evita maus entendidos e atrasos.

Finalmente, não elimine as possibilidades de iniciativa da equipe, pois isso estimula a autonomia e a proatividade dos membros.

Oferecer suporte

Anteriormente, comentamos que delegar tarefas não é transferir responsabilidades. O líder, ao delegar tarefas, deve sempre oferecer o suporte necessário para que a equipe alcance o produto final desejado.

Nesse sentido, o papel de um bom gestor é evitar que a equipe tenha problemas ao desempenhar uma tarefa. Conhecer a equipe e suas dificuldades é o primeiro passo para reduzir os obstáculos que podem atrapalhar na execução normal das atividades.

Conhecer as habilidades do seu time

Além de definir prazos e oferecer suporte, é importante conhecer bem a equipe. Entenda as qualidades de cada um, além dos pontos fortes e fracos de seu time, para delegar tarefas de forma mais eficiente.

Valorize as características positivas dos integrantes e delegue as tarefas de acordo com o perfil individual. O mais importante é que a equipe esteja em sintonia e integrada aos demais objetivos da empresa, para assim produzir bons resultados.

Se você ainda fica com receio de que as tarefas delegadas não saiam tão bem como você esperava, acompanhe as dicas a seguir. Vamos mostrar que é possível ter um time produtivo e que apresente resultados de qualidade — e isso só depende de um bom líder!

As 7 melhores dicas para delegar tarefas

1. Estude quais tarefas podem ser delegadas

Para se organizar melhor e não perder tempo com tarefas que poderiam ser realizadas por outras pessoas, você deve pensar quais delas podem ser delegadas.

Analise e selecione as demandas que podem ser delegadas de acordo com seu time e, depois, escolha quem vai assumi-la. Execute apenas tarefas que não puderem ser delegadas ou, ainda, aquelas mais complexas e que dependem diretamente de você.

2. Promova a autonomia da equipe

Quanto mais a equipe trabalhar de forma independente, melhor será para o gestor — que, consequentemente, terá menos trabalho. Para que isso ocorra, deixe claro os prazos e os detalhes da tarefa e, então, dê autonomia para que cada um a execute.

É importante que cada membro da equipe tenha consciência das ferramentas que pode utilizar e possa escolher sua melhor maneira de trabalhar. Deixe que os colaboradores façam o trabalho do jeito deles! Esse é um ponto em que líderes centralizadores têm muita dificuldade.

3. Explique bem a tarefa delegada

Pense em todos os aspectos que podem ser uma futura barreira para a realização da tarefa e cuide para que não se transformem em obstáculos. Repasse as informações da tarefa à equipe, deixando todos os pontos claros. Garanta que todos entenderam o que devem fazer e que são capazes de realizar o serviço.

4. Seja um líder democrático

Autoritarismo não combina nesse contexto, pois líderes autoritários acabam por inibir e pressionar a equipe. Assim, eles podem não conseguir falar sobre as suas dificuldades. Um líder democrático sabe ouvir e se colocar no lugar dos outros.

5. Dê feedbacks regularmente

Você não precisa esperar uma tarefa ser concluída para dar o feedback sobre todo o trabalho. Esteja presente em etapas diferentes do processo e opine de forma sincera.

Saiba elogiar e valorizar quando o trabalho foi feito como esperado. Já ao apontar problemas, seja empático com a equipe e com cada integrante. Críticas são necessárias, porém, você deve saber como fazê-las. Após cada uma delas, apresente uma possível solução.

6. Escolha a quem delegar cada tarefa

Ir além das habilidades declaradas no currículo de cada um é fundamental nesse ponto. Muitas vezes, um colaborador que é formado e ocupa uma vaga específica pode não ser quem executa melhor a tarefa.

Por outro lado, ele pode executar bem outras atividades necessárias. Conheça bem os integrantes de sua equipe para que você possa delegar tarefas de forma justa para todos.

7. Esteja sempre presente

Você deve acompanhar todos os processos de execução de uma tarefa. Além de aproximá-lo dos membros da equipe, isso reforça as relações e proporciona maior confiança entre os pares. Ademais, se você se mostra presente e solícito para resolver problemas, a pressão sobre cada um será reduzida.

Gostou de entender melhor como delegar tarefas a sua equipe? Se você achou este conteúdo útil, compartilhe-o em suas redes sociais e ajude seus colegas a ficarem por dentro desse assunto!

Publicado em 5 de março de 2018

Deixe o seu comentário :)

Não perca as novidades da Hi Platform

Assine nossa newsletter para ficar por dentro dos lançamentos da Hi